18 de jun de 2005

Cry, baby, cry......

Só deu ele galera!

Image hosted by Photobucket.com

Agora, cantem conosco:

Não passava de um imbecil
Até que um produtor o descobriu
Até que o imbecil não era de todo mau
Transformou-se num sucesso nacional
Apesar do discutível valor
Adotou um ar superior
Se babava quando ouvia o seu grito
Pensou na idéia de tornar-se um mito

'Cê não podia deixar que a famam lhe confundisse
'Cê não podia ficar com tanta babaquice
'Cê não podia deixar o sucesso lhe deformar
'Cê não podia nem raciocinar
Jesse Go, Jesse Go, Jesse Go

Do nosso herói que era um tanto inseguro
Ninguém pensava que tivesse futuro
Sua personalidade maleável
Acabou ficando insuportável

(Refrão)

Essa é a triste história de Jesse Go
Que em sua rápida trajetória
Se atrapalhou com a própria glória
E sumiu da nossa memória

Mas acho que não foi surpresa pra ninguém, né?
Dos outros citados, acho que nenhum corresponde à imagem do Jesse Go do Roger - vocês podem não gostar deles pelos mais variados motivos, mas o fato é que estão aí até hoje.
Nem o Israel, que eu acho só chato e babaca. Só quis cutucar mesmo...rs...
Agora, querem é o mais autêntico Jesse Go na minha modesta opinião?
Alguém aí lembra quem é Tony Platão?
Afff... não vou nem me dar o trabalho de linkar, dá um search no cara aí e vê se descobre quem é esse mala.
Beijão! e continuem à vontade pra eleger quem vocês quiserem.
E...Chorão... desculpe baby....

:-)
|